Seg - Sex 07:00-20:00
Seg - Sex 07:00-20:00

Ajustar o horário de verão também evita riscos com cibercriminosos

Ajustar o horário de verão também evita riscos com cibercriminosos

Neste ano, o horário de verão no Brasil entrou em vigor ontem em dez estados e no Distrito Federal, onde foi adiantada uma hora nos relógios e assim deve permanecer até o dia 21/02/2016.

Lembramos que os ajustes também devem ser estendidos aos dispositivos eletrônicos, pois a hora é o item que deve estar configurado corretamente para uso dos aplicativos que utilizam o relógio como parâmetro de referência, e sem não estiverem ajustados passam a trazer vulnerabilidade ao usuário final como facilitador aos cibercriminosos.

A precisão do horário dos aplicativos influencia, por exemplo, no acesso aos sistemas de internet banking que utilizam a tecnologia do token e auxiliam o usuário na proteção de conectar ao conta corrente através da geração de senhas temporárias.

Assim, o procedimento de sincronização mantém a consistência dos registros e evita possíveis riscos de cibercrimes, possibilitando rastrear os usuários que acessaram os equipamentos a partir dos horários registrados e auditar toda a movimentação dos acessos.

E a economia de energia elétrica com a mudança do horário de verão é projetada para este ano em torno de 4,5% no pico de maior consumo, que representa 0,5% durante todo o período programado e é comparada ao consumo de energia por mês de Brasília, que hoje possuí 2,8 milhões de habitantes.

Leave a Reply