Seg - Sex 07:00-20:00
Seg - Sex 07:00-20:00

Finalmente o bug de consumo de energia do Chrome no Windows será resolvido

copa-do-mundo

O Google promete resolver definitivamente o problema de consumo excessivo de energia no seu navegador Chrome que vem ocorrendo há anos.

Este bug ocorre na versão do Chrome para o sistema operacional Microsoft Windows onde a demanda do processador permanece alta sobretudo quando o mesmo não está em uso.

Normalmente o processador passa a ser ativado 64 vezes a cada segundo para verificar se o sistema está em atividade, e com esta falha, o Chrome chega a atingir 1000 vezes no mesmo tempo, onde pode gerar um consumo a mais de 25% quando comparado aos outros navegadores, mesmo nos momentos em que ele se encontra minimizado e sem uso. Este excesso no consumo de energia afeta diretamente na diminuição da autonomia da carga da bateria de smartphones, tablets e notebooks que utilizam o Chrome.

Embora este bug tenha sido relatado pela primeira vez em 2010 e apresentado relatórios em meados de 2012, agora o Google se pronunciou em resolvê-lo após matéria publicada na semana passada que chamou a atenção sobre o problema no site da revista Forbes.

A data efetiva de correção desta falha oficialmente ainda não foi divulgada, mas em declaração a revista PCWorld, o Google declara que essa tarefa está com prioridade máxima na sua equipe de desenvolvedores.

Leave a Reply