Main menu

(11) 3717-5537

(11) 3090-5537

Procon de SP atualiza relação de sites de comércio eletrônico que devem ser evitados

18/07/2014
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

copa-do-mundo

A Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor de São Paulo (Procon-SP) anunciou hoje mais 18 sites de e-commerce que passam a fazer parte da lista dos que devem ser evitados pelos consumidores. Desta forma, a lista acumula 406 sites dos quais 400 encontram-se já notificados pelo Procon devido a reclamações de clientes que não tiveram retorno muito menos qualquer retratação.

Casos de pessoas lesadas que tiveram prejuízos em consequência da venda irregular destes sites de comércio eletrônico foram encaminhados ao Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), que aloca endereço IP (Internet Protocol) e administra o cadastro de domínios de internet no Brasil, bem como à Polícia Federal, no entanto alguns sites continuam acessíveis e a recomendação do Procon é que o internauta evite utilizá-los para quaisquer compras.

O Procon-SP orienta ao consumidor pesquisar antes informações sobre o e-commerce de interesse, tais como o número do CNPJ, razão social, telefone, endereço e e-mail, além de buscar recomendações, evitar a compra em lojas que só aceitem boleto bancário ou depósitos em conta, e duvidar de ofertas que forem extremamente vantajosas.

Outro cuidado fundamental sugerido é para que o consumidor providencie a instalação e atualização de aplicativos de controle e segurança de internet em seu próprio computador, e jamais faça compras pela internet em computadores públicos.

Para conhecer a relação mais recente de lojas na internet que o Procon-SP recomenda não fazer compras clique aqui.

Fale Conosco

Nome

E-mailAssunto

Mensagem




0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×