Seg - Sex 07:00-20:00
Seg - Sex 07:00-20:00

Risco de vírus ser transmitido pelo pau de selfie

Risco de vírus ser transmitido pelo pau de selfie
Risco de vírus ser transmitido pelo pau de selfie

Como qualquer acessório de dispositivo eletrônico, o pau de selfie pode também ser um meio de ameaça por alguém que detenha conhecimento em tecnologia da informação e deseja roubar as informações que você tem registradas no smartphone ou tablet.

Alguns desses objetos são conectados aos smartphones ou tablets via bluetooth e podem deixar o aparelho desprotegido por ameaças virais.

A lógica de invasão através de um pau de selfie é a mesma que baseia-se no problema de um fone de ouvido e aparelhos de som nos veículos quando ambos são sem fio. A tecnologia bluetooth é bem vulnerável à invasões, muito mais por falta de conhecimento dos usuários em não configurar a permissão do acesso que exige autenticação para conectar do que por fragilidade no sistema.

O risco está no fato de que, quando ativado, o bluetooth do pau de selfie pode ser o meio de transferir um arquivo malicioso de um hacker para o dispositivo em uso. No caso do modelo de pau de selfie que utiliza cabo e tem conexãp direta na entrada do fone de ouvido, é considerado mais seguro.

Para reduzir a ameaça no uso de pau de selfie, desabilite a função bluetooth no dispositivo quando não estiver usando, exija senha para acesso seguro e monitore as solicitações de conexão que chegarem ao seu smartphone ou tablet.

Leave a Reply